218820160    oinstalador@gmail.com

Foi a 12 de Novembro de 1982 que um grupo de cinco municípios - Espinho, Gondomar, Maia, Porto e Valongo - criaram a LIPOR, lançando as bases de um projecto que celebra em 2017, trinta e cinco anos.


«A LIPOR de hoje, 35 anos depois, é uma Organização reconhecida nacional e internacionalmente, em permanente crescimento, pujante de projectos, plena de iniciativas, com colaboradores empenhados, competentes e com visão clara e foco em resultados e em criação de valor», salienta a organização. 

«A criação de Unidades Fabris de referência, como a Central de Valorização Orgânica, o Centro de Triagem, a Central de Valorização Energética, quem produz o Nutrimais, quem promoveu o Ecofone, a Horta da Formiga, o projecto Terra-à-Terra, o Geração+, a Estratégia 3M relativa ao combate às Alterações Climáticas, o Parque Aventura e o Trilho Ecológico Lipor e tantos outros projectos e Iniciativas, demonstra bem como a Lipor é uma Organização viva, que permanentemente se reinventa e inova, abraçando novos desafios», acrescenta. 

Recorde-se que a LIPOR é a entidade responsável pela gestão, valorização e tratamento dos resíduos urbanos produzidos pelos Municípios associados: Espinho, Gondomar, Maia, Matosinhos, Porto, Póvoa de Varzim, Valongo e Vila do Conde. 

A LIPOR trata anualmente cerca de 500 mil toneladas de resíduos urbanos produzidos por 1 milhão de habitantes. 

Desenvolveu uma estratégia integrada de valorização, tratamento e confinamento dos RU, baseada em três componentes principais: Valorização Multimaterial, Valorização Orgânica e Valorização Energética, complementadas por um Aterro Sanitário para recepção dos rejeitados e de resíduos previamente preparados.

 


Bootstrap Image Preview Bootstrap Image Preview