218820160    oinstalador@gmail.com

Em sessão informativa a realizar em Guimarães, no dia 21 de Novembro, a ERP Portugal promove recolha de resíduos nos estabelecimentos do programa 'Green Key'


A ERP Portugal, que pertence à primeira plataforma Europeia de reciclagem, a ERP (European Recycling Platform), associa-se à ABAE (Associação Bandeira Azul da Europa) no âmbito do Programa “Green Key”, cujo alvo são estabelecimentos de hotelaria e restauração, defensores das boas práticas ambientais.


Lançada em 2006, a iniciativa “Green Key” tem como objectivo a promoção do Turismo Sustentável em Portugal através do reconhecimento de estabelecimentos turísticos que implementam boas práticas ambientais e sociais, que valorizam a gestão ambiental nos seus estabelecimentos e que promovem a Educação Ambiental para a Sustentabilidade.
??Neste contexto, a ABAE promove, em conjunto com o Município de Guimarães, no dia 21 uma sessão de esclarecimento sobre este programa que contará com a participação de representantes das duas instituições, dos estabelecimentos turísticos e Municípios abrangidos da Região Norte. A sessão realiza-se às 14h30 na Plataforma das Artes e da Criatividade – CIAJG, Av. Conde de Margaride, 175, 4810-535 Guimarães.

Através desta parceria entre a ABAE e a ERP Portugal mais de 68 estabelecimentos poderão assumir um compromisso efectivo na recolha e reciclagem de REEE (Resíduos de Equipamentos Elétricos e Eletrónicos) e RP&A (Resíduos de Pilhas e Acumuladores), respondendo a uma das directrizes do Programa, respeitante à gestão de resíduos.
As unidades que se destacarem nesta missão serão reconhecidas como ambientalmente responsáveis.

Para Filipa Moita, Responsável de Comunicação e Sensibilização da ERP Portugal «através da campanha Depositrão Green Key, os estabelecimentos participantes têm a oportunidade de assegurar o correcto tratamento dos resíduos que são produzidos nas suas instalações de forma fácil e rápida, garantindo que os equipamentos elétricos e eletrónicos e as pilhas em fim de vida recolhidos serão alvo de soluções ambientalmente sustentáveis».
 
Deste modo, os estabelecimentos trabalham a sua política de responsabilidade ambiental e social, já que a reciclagem dos resíduos será convertida em donativos a entregar a instituições de cariz social”

Fátima Vieira, Responsável pelo Programa Green Key em Portugal acrescenta que «em 2017 foram lançados os novos critérios da Green Key que abordam, de entre outros, requisitos de Responsabilidade social, precisamente no ano em que a Organização das Nações Unidas (ONU) declarou 2017 como o Ano Internacional do Turismo Sustentável para o Desenvolvimento. A resolução, aprovada no passado dia 4 de Dezembro, reconhece a importância do Turismo para estimular a melhor compreensão entre os povos em todos os lugares, e conduz a uma maior consciência da herança de várias civilizações e a uma melhor apreciação dos valores inerentes de diferentes culturas, contribuindo assim para o fortalecimento da paz no mundo».


Bootstrap Image Preview Bootstrap Image Preview