218820160    oinstalador@gmail.com

A Índia deu início ao processo de instalação de energias renováveis nos seus 12 principais portos, refere o World Maritime News.


O processo envolve um investimento de cerca de 97 milhões de euros, no âmbito da Iniciativa Green Port, decorrente do Memorando de Entendimento assinado em 2015 entre a Associação Indiana de Portos e Solar Energy Corporation of India.

O projecto será faseado e deverá estar concluído em 2018. 

Segundo o jornal, que cita o ministro do Transporte Marítimo da Índia, está previsto instalar 91.50 MegaWatts (MW) de capacidade de energia solar em 12 portos e 45 MW de energia eólica nos portos de Kandla e V.O. Chidambaranar.

Depois de concluído, este processo permitirá reduzir as emissões de CO2 em 136,5 milhões de toneladas anuais e poupar anualmente cerca de 10,2 milhões de euros.

O jornal refere também que dos 45 MW de energia eólica previstos, 6 MW já estão adjudicados pelo porto de Kandla. E que dos 15.2 MW de energia solar já adjudicados, o porto de Visakhapatnam já adjudicou 9 MW, o porto de Kolkata assegurou 0.06 MW, o New Mangalore garantiu 4.35 MW, o porto de V.O. Chidambaranar adjudicou 0.5 MW, o de Mumbai 0.12 MW, o de Chennai 0.1 MW, o de Mormugao 0.24 MW e o porto Jawaharlal Nehru Port Trust (JNPT) 0.82 MW.


Bootstrap Image Preview Bootstrap Image Preview