218820160    oinstalador@gmail.com

O vice-presidente do Instituto Superior de Engenharia do Porto (ISEP), José Carlos Quadrado, foi agraciado com a medalha “Peter I”, um prémio atribuído pela Associação Russa de Ensino de Engenharia (AEER), pelo seu contributo para a engenharia.


De acordo com um comunicado do ISEP, esta é a primeira vez que um português recebe a distinção, atribuída de dois em dois anos a estadistas, representantes de comunidades académicas e industriais ou de organizações não-governamentais, que contribuem para a melhoria do ensino da engenharia a nível mundial e para o reforço das relações internacionais.

«A nível pessoal é com agradecimento e humildade que vejo neste prémio o reconhecimento de mais de duas décadas de dedicação à internacionalização do ensino superior português no domínio do ensino de engenharia», disse à Lusa o vice-presidente.

Para José Carlos Quadrado, este galardão eleva a engenharia portuguesa «ao mais alto nível mundial».

Esta distinção demonstra «que os esforços de internacionalização do ISEP, no domínio do ensino de engenharia e da sua ligação internacional às empresas de engenharia», são reconhecidos.

A medalha “Peter I” (Peter The Great), cuja cerimónia de entrega ocorreu na semana passada, em São Petersburgo, na Rússia, «assume esta importância porque representa não só a comunidade académica, mas também a comunidade empresarial associada à engenharia», acrescentou.

«A Rússia é um dos maiores países do mundo em termos da engenharia e do ensino», razão que levou o ISEP a realizar, nos últimos anos, várias colaborações em termos de mobilidades de docentes e não docentes, de alunos e de investigadores, parcerias em projectos e com indústrias, como é exemplo do sector automóvel KAMAZ, indicou José Carlos Quadrado.


Bootstrap Image Preview Bootstrap Image Preview