218820160    oinstalador@gmail.com

O site do Observatório (energypoverty.eu) inclui publicações, políticas e medidas, directrizes para a aplicação de políticas públicas, além de secções sobre notícias, eventos e um fórum para discussão


Texto: José Alex Gandum
Foto: CE

O Observatório Europeu da Pobreza Energética (EPOV) foi recentemente apresentado  na sede da Comissão Europeia (CE). Sendo promovido pelo próprio CE, o Observatório tem como principal objectivo promover o conhecimento sobre o alcance da pobreza energética na Europa, bem como as políticas e práticas mais inovadoras para lidar com esse facto. O EPOV vai desenvolver actividades relacionadas com:

- A melhoria da transparência através da colecta de dados existentes em diferentes países da União Europeia (UE), e fornecê-los de forma aberta e amigável.
- A promoção da criação de redes e troca de conhecimentos.
- A divulgação de informações e fornecimento de assistência técnica para auxiliar todos os Estados membros a combater este flagelo.

O EPOV é formado por um consórcio de entidades europeias lideradas pela Universidade de Manchester, entre elas Ecofys, European Policy Center, Intrasoft International, National Energy Action e Wpertpertal Institute.

O EPOV define a pobreza energética como a forma de pobreza associada à incapacidade de dispor de uma quantidade adequada de energia no lar, que garanta o calor, refrigeração, iluminação e operação dos aparelhos que prestam serviços essenciais para garantir a saúde e um padrão de vida digno para os seus ocupantes.


Bootstrap Image Preview Bootstrap Image Preview