218820160    oinstalador@gmail.com

Acaba de chegar a Portugal “A Era do Desenvolvimento Sustentável”, uma obra de Jeffrey Sachs, um dos analistas que tem estudado o desenvolvimento global.


Neste livro, o autor apresenta-nos um quadro prático de como podem os cidadãos usar um modo holístico de lidar com problemas globais que hoje nos parecem insolúveis, como a pobreza extrema e persistente, a degradação ambiental e as injustiças político-económicas. 

 

“A Era do Desenvolvimento Sustentável” é a mais recente obra de Jeffrey Sachs que acaba de chegar às livrarias portuguesas.

Nesta obra, o autor apresenta-nos um quadro prático de como podem os cidadãos usar um modo holístico de lidar com problemas globais que hoje nos parecem insolúveis, como a pobreza extrema e persistente, a degradação ambiental e as injustiças político-económicas. Em suma, o autor explica-nos como contrariá-las para termos um desenvolvimento sustentável.

Jeffrey Sachs oferece aos leitores os indicadores e as práticas de que necessitam para atingirem os objectivos de Desenvolvimento Sustentável.

Mais do que um mero exercício retórico, este livro foi concebido pelo autor para informar, inspirar e suscitar acção.

De realçar que, na base da obra estão os 12 anos em que o autor foi director do Earth Institute da Universidade de Columbia, e os 13 anos em que foi consultor do Secretário-Geral das Nações Unidas para os Objectivos de Desenvolvimento do Milénio.

Dedicada sobretudo aos estudiosos, activistas, ambientalistas e decisores políticos, “A Era do Desenvolvimento Sustentável” é uma obra marcante, bem como um apelo a todos aqueles que se preocupam com o planeta e a justiça global. Chega agora a Portugal, através da Actual, uma chancela do Grupo Almedina, com o pvp de 32,90€. 

Sobre o autor:

Jeffrey David Sachs, nascido em 1954, é um economista norte-americano conhecido pelo seu trabalho como conselheiro económico de diversos governos da América Latina, do Leste Europeu, da extinta União Soviética, da Ásia e de África.

Actualmente trabalha como professor na Universidade de Columbia. Propôs uma "terapia de choque" como solução para as crises económicas que afectavam a Bolívia, a Polónia e a Rússia como parte do seu trabalho de aconselhamento.

É também conhecido pelo seu trabalho em agências internacionais para a redução da pobreza, o cancelamento da dívida e o controle de doenças, especialmente a SIDA, para os países subdesenvolvidos.


Bootstrap Image Preview Bootstrap Image Preview