Revista O Instalador foi media partner da edição de 2019 e integrou júri dos prémios

Vencedores do prémio KNX Portugal 2019 apresentaram projetos em Lisboa

Ana Clara | Jornalista e Diretora28/11/2019

A Conferência ‘Prémios KNX Portugal” teve lugar esta quarta-feira, no Roca Lisboa Gallery, em Lisboa. Sessão contou com as intervenções de Nuno Vasconcelos, da Modusnefer (Prémio KNX Projeto: Hospital Internacional dos Açores), David Silva, da Domotica Solutions (Prémio KNX Integrador: Bairro Alto Hotel) e Daniel Afonso, da Projedomus (Prémio KNX: Hotel PortoBay Flores).

foto
Foto: Ana Clara

A moderação da sessão esteve a cargo de Rui Carneiro, secretário-executivo da Associação KNX Portugal, entidade organizadora dos prémios.

Hotel PortoBay Flores

Daniel Afonso, da Projedomus, começou por explicar o projeto Hotel PortoBay Flores, situado na Rua das Flores, no Porto. Empreendimento conta com 66 quartos e suites, um restaurante, bar, spa, ginásio, piscina, salas de reuniões, sala de leitura e uma capela.

Com uma área de mais de 5000 m2, foram utilizados no projeto mais de 250 equipamentos e agregando sete marcas. Foram igualmente contabilizados os seguintes Protocolos integrados: KNX, BACnet, Modbus e DALI.

Em termos de áreas de atuação, o projeto contou com controlo de iluminação, controlo de climatização, monitorização de consumos, monitorização da ocupação dos quartos e sistema de chamadas, monitorização de alarmes técnicos, visualização para controlo/monitorização do edifício com acesso remoto e gestão de manutenção.

foto
Hotel PortoBay Flores
Daniel Silva explicou ainda os procedimentos a nível de:

Controlo de iluminação

  • On/Off
  • Dimming
  • Regulação universal
  • Regulação 1-10V
  • DALI
  • RGBW
  • Controlo por horários
  • Controlo por luminosidade e presença
  • Cenários.

Controlo de climatização

  • Controlo de Central Térmica, Bombas, UTA’s e VRV’s
  • Verificação/controlo por quarto
  • Monitorização de sistemas de hidráulica, hidropressoras e extinção de incêndio.
No que respeita à monitorização de consumos, destaque para:
  • Consumo elétrico total
  • Consumo por quadro
  • Consumos de gás
  • Consumos de água
  • Gráficos de consumos vs temperaturas vs ocupação
  • Análise de KPIs (consumo vs ocupação).

Já na monitorização dos alarmes técnicos, destaque para a monitorização/verificação de alarmes, monitorização de alimentações de quadros e disparos de proteções, notificação de alarmes críticos por email e acesso remoto da visualização.

Hospital Internacional dos Açores

Coube a Nuno Vasconcelos, da Modusnefer, apresentar o projeto GTC HIA - Hospital Internacional dos Açores, que venceu na categoria Prémio KNX Projeto.
O responsável começou por enquadrar a empresa, fundada em 2006, com o foco na implementação KNX. “Mais tarde surgiu a necessidade de adicionar as especialidades, como sendo as áreas de eletricidade, telecomunicações e Videovigilância”, avançou.
foto
Hospital Internacional dos Açores
Sobre o projeto do Hospital Internacional dos Açores, localizado na ilha de São Miguel (cidade de Lagoa), explicou que se trata da primeira unidade hospitalar privada do arquipélago dos Açores e que “pretende reforçar a capacidade instalada dos cuidados de saúde da região”.
O hotel encontra-se, neste momento, em fase de construção.
O responsável salientou, na sua apresentação, que “desde o início foram eleitos fatores de diferenciação para o projeto”, como sendo garantir serviços hoteleiros de qualidade, inovação e tecnologia de ponta e recursos humanos de excelência.
Nuno Vasconcelos destacou a importância da inclusão da Gestão Técnica Centralizada (GTC) neste projeto, sendo que era claro que a mesma “não deve impactar nos hábitos do utilizadores, deve incluir mais funcionalidades do que o habitual e ter como prioridade a eficiência energética”.
Tratando-se de um edifício novo foi estabelecido a maximização da área de automação, com novas tecnologias, novos requisitos e reduzir, ao máximo o consumo de energia.
Tudo, frisa Nuno Vasconcelos, com o objetivo de “garantir o funcionamento de todos os equipamentos, manter os custos de operação controlados e poupar energia”.
O responsável enumerou ainda as áreas abrangidas pelo GTC:
  • AVAC
  • Eletricidade - consumos
  • Iluminação e Sombreamento
  • SADI
  • Controlo de Acessos
  • Produção Fotovoltaica
  • Carregamento VE
  • Geradores
  • Datacenter
  • Estacionamento
  • CCTV.

Bairro Alto Hotel

Por fim, David Silva, da Domotica Solutions, apresentou o projeto do Bairro Alto Hotel, em Lisboa, que venceu na categoria de Prémio KNX Integrador.
Realçou que o projeto conta com 20 linhas de KNX, mais de 1480 equipamentos onde se destacam:
  • 8150 Endereços de Grupo KNX (1/3 da capacidade TOTAL de endereços de grupo para um projecto KNX utilizados)
  • 30 Acopladores de Linha
  • 31 Fontes de Alimentação KNX
  • 86 Termostatos (86 zonas de Ar condicionado controladas)
  • 1687 Circuitos de iluminação controlados
  • 502 Estores / Cortinas Blackouts
  • 256 Pontos de Iluminação Dali
  • 1 Servidor com Visualização total do Edifício
  • 1 Servidor Dedicado para a Zona do Restaurante
  • 1 Servidor Dedicado.
foto
Bairro Alto Hotel

Quanto a controlos:

  • Iluminação: ON/OFF, Regulação a 230V, Regulação 1-10V, Regulação Dali, Cenários, Horários, Deteção de Movimento
  • Estores: Controlo de Estores e Blakouts dentro de cada quarto
  • Climatização, Toalheiros Aquecidos e Ar condicionado (AVAC): Gestão Central do Aquecimento/AC, Controlo por horário, Deteção de quarto ocupado, Controlo temperatura de Zona, controlo de cada máquina interior de cada quarto, Controlo das velocidades do AC, setpoins, modo de aquecimento/arrefecimento
  • Comandos e Visualização: Pulsores KNX, Software de Visualização, Web Server, Painéis tácteis
  • Automação e Acesso remoto: Horários, Funções Logicas, Acesso por Internet, Programação remota, Avisos (ex. email)
  • Cénico: Nas salas de reunião e conferência, controlo cénico por cenários e com o som, sendo que de um ecrã táctil portátil (IPAD) é acedido aos cenários e rapidamente alterar configurações de salas onde decorrem os eventos, de uma apresentação numa tela para rapidamente um cenário de som com iluminação adequada no espaço
  • Restaurante: Controlo de vários cenários pré-definidos pelo cliente através de botões pré-programados, mas também a possibilidade de alterar a iluminação de “lâmpada” a “lâmpada” dentro do espaço, de modo a criar uma infinidade de cenários de iluminação durante uma refeição.
No final da sessão realizou-se um debate, com a participação do público, sobre os projetos.
Os prémios KNX Portugal são organizados pela Associação KNX Portugal. A revista O Instalador integrou, nesta edição de 2019, o júri dos mesmos.
foto
Foto: Ana Clara
Toyotomi Ar Condicionado - Japan
O Instalador Acompanhe no FacebookO InstaladorSolar Market Parity PortugalTektónica cambio de fechas 8 - 11 de octubreClimamed del 10 al 12 de enero 2020120 Years Jaba traduçao técnica especializada 4.0O Instalador

Subscrever a nossa Newsletter

Password

Marcar todos

Autorizo o envio de newsletters e informações de interempresas.net

Autorizo o envio de comunicações de terceiros via interempresas.net

Li e aceito as condições do Aviso legal e da Política de Proteção de Dados

oinstalador.com

O Instalador - edifícios - energia - ambiente

Estatuto Editorial