Soluções de Elevação, Unipessoal, Lda. (Soluções Geda)

O território Arrábida a caminho da mobilidade elétrica

Texto e Imagem: ENA - Agência da Energia e Ambiente da Arrábida26/05/2020
Na atual procura da sustentabilidade, refletir e atuar sobre o modelo de mobilidade urbana e as suas repercussões ambientais, económicas e sociais, tem-se transformado numa necessidade para os municípios garantirem a qualidade de vida dos seus cidadãos e a viabilidade dos territórios.

A ENA - Agência da Energia e Ambiente da Arrábida, no seu objetivo de promover a eficiência e o desenvolvimento sustentável, trabalha com os municípios de Setúbal, Palmela e Sesimbra na elaboração de um Plano de Mobilidade Elétrica que abrange o território Arrábida, um espaço privilegiado em termos de natureza, dinâmico no seu crescimento, e onde a sustentabilidade é a base do planeamento.

Este Plano de Mobilidade Elétrica para o Território Arrábida (SEMP Arrábida) desenha toda uma estratégia geral de mobilidade elétrica para o território com propostas de medidas específicas (postos de carregamento elétricos, mini-autocarros elétricos urbanos, sistema de bicicletas elétricas partilhadas, micro mobilidade elétrica, zonas de baixas emissões e políticas de estacionamento), identificando oportunidades de intervenção segundo as características territoriais, os padrões de mobilidade e crescimento dos três municípios.

Esta iniciativa aborda os potenciais impactos da mobilidade elétrica nas redes de transporte, assim como as oportunidades disponibilizadas pelas infraestruturas existentes e a evolução da tecnologia e da utilização dos transportes. Para além disso, o Plano identificará as oportunidades de ligação entre as infraestruturas, os modos de deslocação suaves e os transportes públicos.

O Plano localiza e dimensiona as infraestruturas de carregamento e a sua distribuição no território segundo cenários de 1-2, 5 e 10 anos, sugere instrumentos financeiros e de planeamento a ativar para estabelecimento das infraestruturas de veículos elétricos, avalia requisitos técnicos, de interoperabilidade e recursos de TIC aplicáveis à rede de postos de carregamento. Além disso estabelecem-se planos de estacionamento e serviços complementares de mobilidade sustentável para o território.

Este Plano será coerente com os conteúdos dos Planos de Mobilidade e dos Planos de Qualidade do Ar adotados a nível europeu, nacional e regional, bem como com o Plano de Ação de Mobilidade Urbana Sustentável da Área Metropolitana de Lisboa.

O SEMP Arrábida, ainda em elaboração, é fruto do trabalho conjunto da ENA e dos municípios de Setúbal, Palmela e Sesimbra e será em breve apresentado e debatido junto dos decisores políticos e diversos agentes da comunidade.

O SEMP Arrábida, ainda em elaboração, é fruto do trabalho conjunto da ENA e dos municípios de Setúbal, Palmela e Sesimbra e será em breve apresentado e debatido junto dos decisores políticos e diversos agentes da comunidade

foto

Redes Inter-regionais de Mobilidade Elétrica no Mediterrâneo: EnerNETMob

A elaboração do Plano de Mobilidade Elétrica para o Território Arrábida enquadra-se no projeto “EnerNetMob: Mediterranean Interregional Electromobility Networks for intermodal and interurban low carbon transport systems”, cofinanciado pelo Fundo Europeu de Desenvolvimento Regional (FEDER) no âmbito do Interreg MED, Programa Operacional de Cooperação Territorial Europeia (CTE).

O projeto EnerNETMob desenha, testa e melhora 'Planos de Mobilidade Elétrica Sustentáveis' nos territórios envolvidos (16 parceiros de 12 países europeus), de acordo com normas comuns e políticas de baixo carbono, a fim de estabelecer uma”Rede Inter-regional de Mobilidade Elétrica” que atravessa as cidades da região mediterrânica.

O projeto promove a partilha da mobilidade e da intermodalidade terra-mar utilizando sistemas de transporte elétrico, através da implementação de redes-piloto interurbanas e inter-regionais de carregamento de veículos elétricos também impulsionadas por fontes de energia renováveis.

Assim, o projeto implementa investimentos-piloto de Mobilidade Elétrica em pequena escala com o intuito de criar uma rede de ligações interurbanas e intermodais que permitam deslocações de médio alcance com veículos elétricos, contribuindo para facilitar a aplicação da Diretiva 2014/94/UE relativa à implantação de infraestruturas de combustíveis alternativos.

Os resultados do projeto EnerNETMob permitirão à população e visitantes dos territórios envolvidos aceder a novos meios sustentáveis de transporte interurbano e inter-regional, promovendo junto das autoridades públicas estratégias de transporte de baixas emissões de carbono, de forma a incluir, a nível regional e nacional, futuros investimentos na mobilidade elétrica.

O projeto EnerNETMob desenha, testa e melhora 'Planos de Mobilidade Elétrica Sustentáveis' nos territórios envolvidos (16 parceiros de 12 países europeus), de acordo com normas comuns e políticas de baixo carbono, a fim de estabelecer uma”Rede Inter-regional de Mobilidade Elétrica” que atravessa as cidades da região mediterrânica

Adene janelas eficientes só com etiqueta energética CLASSE+Tektónica cambio de fechas 8 - 11 de octubre20 Years Jaba traduçao técnica especializada 4.0Solar Market Parity PortugalO InstaladorJunkers BoschO InstaladorPanasonic Apenas 779 mmClimamed del 10 al 12 de enero 20201Vulcano: o parceiro certo para um apoio totalO Instalador Acompanhe no Facebook

Subscrever a nossa Newsletter

Password

Marcar todos

Autorizo o envio de newsletters e informações de interempresas.net

Autorizo o envio de comunicações de terceiros via interempresas.net

Li e aceito as condições do Aviso legal e da Política de Proteção de Dados

oinstalador.com

O Instalador - edifícios - energia - ambiente

Estatuto Editorial