Grupo Midea SGT
Informação profissional do setor das instalações em Portugal

HySiLabs: o primeiro investimento da EDP Ventures em hidrogénio

07/02/2023
A startup de origem francesa está a desenvolver um modelo para transporte e armazenamento seguro de hidrogénio.
Imagen
A EDP Ventures anunciou ter investido dois milhões de euros na HySiLabs, uma startup com base em França que está a desenvolver um método mais simples e económico para o transporte e armazenamento seguro de hidrogénio.

Trata-se do primeiro investimento da empresa portuguesa numa startup na área do hidrogénio.

A operação de financiamento foi liderada pela Equinor Ventures e, além da EDP Ventures, contou com o Fundo do Conselho Europeu de Inovação e a PLD Automóvel, e ainda com o apoio dos investidores Kreaxi, Région Sud Investissement e CAAP Création. Como explica a EDP Ventures, no total a ronda Série A juntou um total de 13 milhões de euros.

Financiamento que será utilizado para apoiar o desenvolvimento da tecnologia patenteada da HySiLabs, que pretende assim dar resposta aos desafios do transporte e do armazenamento de hidrogénio.

“A EDP acredita que o hidrogénio renovável será um facilitador fundamental para a transição energética e pretende ser um agente ativo no seu desenvolvimento à escala global”, explica Luís Manuel, membro do conselho de administração da EDP Inovação, da qual a EDP Ventures faz parte. “Enquanto nos concentramos na sua produção, vemos a tecnologia da HySiLabs como um impulsionador inovador para a criação de um mercado mundial de hidrogénio renovável.”

A empresa portuguesa explica que a inovação trazida pela HySiLabs reside no “processo único criado para trancar moléculas de hidrogénio num veículo líquido à base de sílica, a partir do qual pode depois ser libertado sempre que necessário”. A prova é que “os primeiros testes deram sinais muito positivos, demonstrando que o transporte é estável e que o hidrogénio pode ser armazenado em segurança em infraestruturas com as devidas condições de pressão e temperatura”.

Neste modelo, a molécula requer energia para fixar o hidrogénio no transportador, mas nenhuma para o libertar, o que é uma diferença significativa face às soluções atuais. Num futuro em que se espera que a produção de hidrogénio seja transferida para centros de energia, esta capacidade de libertar hidrogénio sem um custo energético oferece um enorme potencial.

Com base em Aix-en-Provence, em França, a HySiLabs foi fundada em 2015 por Pierre-Emmanuel Casanova (CBO) e Vincent Lôme (CSO). A startup tem atualmente vários outros projetos-piloto industriais em curso, como o H2Gate com o Porto de Amesterdão (armazenamento de hidrogénio à escala industrial) e o QualifHY com Helion Hydrogen Power (integração da solução HySiLabs com células de combustível). A HySiLabs também assinou recentemente um memorando de entendimento com a Vinci Geostock para testar o armazenamento subterrâneo de hidrogénio. Em 2022, a jovem empresa foi selecionada no programa francês Tech Green20 (programa de desenvolvimento para as 20 startups francesas mais promissora na área da tecnologia verde). Os 13 milhões de euros da Série A serão completados com capital adicional num segundo fecho previsto para fevereiro deste ano.

REVISTAS

SoliusLisboa Feiras, Congressos e Eventos / Associação Empresarial (Smart Cities Summit - Fil - Tektónica)ChillventaProfei, S.L.Siga-nos

Media Partners

NEWSLETTERS

  • Newsletter O Instalador

    22/07/2024

  • Newsletter O Instalador

    15/07/2024

Subscrever gratuitamente a Newsletter semanal - Ver exemplo

Password

Marcar todos

Autorizo o envio de newsletters e informações de interempresas.net

Autorizo o envio de comunicações de terceiros via interempresas.net

Li e aceito as condições do Aviso legal e da Política de Proteção de Dados

Responsable: Interempresas Media, S.L.U. Finalidades: Assinatura da(s) nossa(s) newsletter(s). Gerenciamento de contas de usuários. Envio de e-mails relacionados a ele ou relacionados a interesses semelhantes ou associados.Conservação: durante o relacionamento com você, ou enquanto for necessário para realizar os propósitos especificados. Atribuição: Os dados podem ser transferidos para outras empresas do grupo por motivos de gestão interna. Derechos: Acceso, rectificación, oposición, supresión, portabilidad, limitación del tratatamiento y decisiones automatizadas: entre em contato com nosso DPO. Si considera que el tratamiento no se ajusta a la normativa vigente, puede presentar reclamación ante la AEPD. Mais informação: Política de Proteção de Dados

oinstalador.com

O Instalador - Informação profissional do setor das instalações em Portugal

Estatuto Editorial