Trane - Portugal - Sociedade Unipessoal, Lda
Informação profissional do setor das instalações em Portugal

Iberdrola inicia a construção do complexo fotovoltaico Montechoro

14/03/2023
Projeto gerará 20.000 MWh de energia verde local por ano para abastecer cerca de 15.000 residências.
Imagen
A Iberdrola anunciou o início da construção do complexo fotovoltaico Montechoro, Albufeira. No total a iniciativa contará com uma capacidade total instalada de 37 MW, evitando a emissão de 42.000 toneladas de CO2 por ano para a atmosfera.

Segundo a empresa ao todo, serão equipadas com mais de 64.500 painéis bifaciais que, por terem duas superfícies sensíveis à luz, permitem uma maior produção sem aumentar o número de placas. Desta forma, poderão gerar 20.000 MWh de energia verde local por ano para abastecer cerca de 15.000 residências, o equivalente à metade da população da cidade de Albufeira.

O projeto implica um investimento de 28 milhões de euros e criará até 200 postos de trabalho. A previsão é que o complexo entre em operação no final deste ano.

Este é mais um investimento da Iberdrola em Portugal. A empresa afirmou que pretende investir bilhões de euros em energia eólica e solar em Portugal durante os próximos anos. Entre as iniciativas que realizará neste país está a construção da usina fotovoltaica Fernando Pessoa que, com 1.200 MW de potência, será o maior projeto fotovoltaico da Europa e o quinto maior do mundo. A usina, localizada no município de Santiago de Cacém, deverá entrar em operação em 2025 e fornecerá uma energia limpa, barata e gerada localmente que será suficiente para cobrir as necessidades anuais de 430.000 residências.

Para os próximos meses está previsto o início da construção das usinas solares Carregado (62 MW) em Alenquer (Lisboa) e Estoi (83 MW) no Algarve, que também incluirá armazenamento de baterias e que estará operacional em 2024.

Estas instalações se unem, assim, aos projetos fotovoltaicos Alcochete (46 MW), Conde (13,5 MW) e Algeruz II (27 MW), localizados no distrito de Setúbal (região de Lisboa), que concluíram suas construções no final de 2022. Estas usinas – juntamente com Carregado e Estoi – pertencem aos leilões que Portugal realizou em 2019 e 2020, nos quais Iberdrola ganhou um total de oito projetos fotovoltaicos com uma capacidade total de 270 MW, sendo o maior vencedor por número de lotes no leilão de 2019.

A par disto está igualmente prevista a constrição de parque eólico ligado à central hidrelétrica que a empresa inaugurou no Alto Tâmega, ao norte de Portugal. Esta instalação converterá o complexo em uma central de geração híbrida.

A gigabateria do Tâmega, a maior iniciativa de energia limpa da história recente do país, conta com três barragens e três centrais (Gouvães, Daivões e Alto Tâmega) com uma capacidade conjunta de 1.158 MW. Será capaz de armazenar a energia consumida em um dia por onze milhões de pessoas em suas casas.

A Iberdrola já opera 92 MW de energia eólica em Portugal, divididas em três parques: Catefica, no município de Torres Vedras, com 18 MW; Alto do Monção, em Mortágua e Tondela, com 32 MW; e Serra do Alvão, em Ribeira de Pena, com 42 MW. Juntos, estes parques produzem 200 GWh por ano, o equivalente à energia elétrica consumida por 35.000 residências.

REVISTAS

Lisboa Feiras, Congressos e Eventos / Associação Empresarial (Smart Cities Summit - Fil - Tektónica)Siga-nos

Media Partners

NEWSLETTERS

  • Newsletter O Instalador

    19/02/2024

  • Newsletter O Instalador

    12/02/2024

Subscrever gratuitamente a Newsletter semanal - Ver exemplo

Password

Marcar todos

Autorizo o envio de newsletters e informações de interempresas.net

Autorizo o envio de comunicações de terceiros via interempresas.net

Li e aceito as condições do Aviso legal e da Política de Proteção de Dados

Responsable: Interempresas Media, S.L.U. Finalidades: Assinatura da(s) nossa(s) newsletter(s). Gerenciamento de contas de usuários. Envio de e-mails relacionados a ele ou relacionados a interesses semelhantes ou associados.Conservação: durante o relacionamento com você, ou enquanto for necessário para realizar os propósitos especificados. Atribuição: Os dados podem ser transferidos para outras empresas do grupo por motivos de gestão interna. Derechos: Acceso, rectificación, oposición, supresión, portabilidad, limitación del tratatamiento y decisiones automatizadas: entre em contato com nosso DPO. Si considera que el tratamiento no se ajusta a la normativa vigente, puede presentar reclamación ante la AEPD. Mais informação: Política de Proteção de Dados

oinstalador.com

O Instalador - Informação profissional do setor das instalações em Portugal

Estatuto Editorial