Efcis - Comércio Internacional, S.A.
Informação profissional do setor das instalações em Portugal

Escolher soluções de climatização: porque é que muitas vezes o barato sai caro?

Jose Ignacio Hernandez, diretor comercial Thermor para Portugal

07/06/2024

Na escolha do equipamento deve-se ter em conta a ajuda de um instalador profissional, considerar o ciclo do vida do produto, nomeadamente analisando a sua eficiência energética, e procurar por incentivos governamentais.

Áurea+ R290

Áurea+ R290

Escolher uma solução de climatização não é simples. Não basta comparar alguns produtos e fazer contas ao custo e à eficiência energética. Há valores “escondidos” que não podem ficar de fora desta equação e que são realmente penalizadores a médio prazo.

O consumidor faz realmente as contas antes de comprar?

O clima minimamente previsível de Portugal é uma coisa do passado. As flutuações drásticas de temperatura são cada vez mais comuns e estão a deixar as casas desprevenidas e os residentes vulneráveis. Estas oscilações de temperatura não afetam apenas o conforto, contribuem significativamente para o aumento de doenças, o que acaba por levar ao aumento dos custos de saúde e diminuição da qualidade de vida. Este é um custo que não entra na equação…

A melhor opção passa por investir numa solução de climatização adequada, eficiente e até integrada. Mas com um mercado inundado de opções, como podemos escolher corretamente? Tipicamente, a compra de um sistema de climatização é apressada e pouco informada, muitas vezes impulsionada por promoções, mas a verdade é que o fascínio de um preço inicial barato pode ser enganador. Eis por que razão optar pelo equipamento mais económico pode, na verdade, pode sair caro no futuro:

• Eficiência energética: as unidades de climatização baratas não são frequentemente as mais eficientes em termos energéticos. Um estudo da Agência Internacional de Energia (AIE) concluiu que as unidades de ar condicionado ineficientes podem consumir até 60% mais eletricidade do que os seus equivalentes de elevada eficiência. Isto traduz-se num aumento das contas de eletricidade, anulando qualquer poupança inicial.

• Dimensionamento errado: as soluções mal dimensionadas são outra armadilha comum. Uma unidade demasiado pequena tem dificuldade em manter as temperaturas desejadas, levando a um funcionamento constante e a um maior consumo de energia e desgaste. Por outro lado, uma unidade sobredimensionada liga e desliga com mais frequência, reduzindo a eficiência e aumentando o desgaste. De uma forma ou de outra, o tempo de vida do equipamento será mais reduzido, os custos de manutenção maiores e a conta da eletricidade também mais elevada.

• Flutuações de temperatura: devido à escolha errada do equipamento, poderão existir diferenças de temperatura significativas pela casa, o que promove mais problemas de saúde. Por outro lado, tipicamente quando o consumidor começa a receber contas da luz mais avultadas, tende a reduzir o recurso às soluções de climatização. Ou seja, o propósito do investimento inicial acaba por ficar perdido e o conforto nunca é alcançado.

• A manutenção é importante: o equipamento de baixa qualidade requer frequentemente reparações e substituições mais frequentes. É crucial ter sempre em conta o custo da manutenção.

Aéromax Piscina
Aéromax Piscina

A vantagem da Aerotermia

A Aerotermia é a tecnologia mais eficiente, inteligente e amiga do ambiente. As bombas de calor não só arrefecem a casa no verão, como também fornecem calor durante os meses de inverno - uma solução perfeita para o clima volátil de Portugal.

Mas existem mais vantagens

• Climatização e produção de água quente: com uma bomba de calor não está apenas a usufruir de um “ar condicionado”. Esta solução suporta também o aquecimento de água para toda a casa. Com uma solução apenas, consegue resolver três problemas: aquecimento, arrefecimento e água quente.

• Eficiência energética: as bombas de calor podem ser até quatro vezes mais eficientes do que os sistemas tradicionais de aquecimento e arrefecimento por resistência elétrica. Isto traduz-se em poupanças significativas nas suas contas de energia.

• Ecológicas: as bombas de calor utilizam energia renovável do ar, reduzindo a sua pegada de carbono.

Escolher a solução correta

Investir num sistema aerotérmico de qualidade pode parecer um custo inicial mais elevado, mas os benefícios a prazo compensam o investimento inicial. Aqui ficam algumas dicas para escolher a melhor opção:

• Procure orientação profissional: consulte um profissional qualificado para avaliar as necessidades específicas da sua casa e recomendar o sistema mais adequado. Os parceiros da Thermor, por exemplo, recebem formações frequentes sobre os equipamentos, montagens, resolução de problemas e têm garantido o apoio do fabricante para quaisquer problemas. O serviço de venda e pós-venda acompanha o cliente permanentemente, e a capacidade de resposta e garantia de qualidade dos serviços é total. Com a melhor solução para as suas necessidades, uma instalação de qualidade e profissionais qualificados à disposição, o investimento está protegido.

• Considere o valor a longo prazo: olhe para além do preço inicial e considere também a eficiência energética, os custos de manutenção e a vida útil do equipamento, bem como os custos de saúde, e o conforto e ganhos de bem-estar durante todo o ano.

• Incentivos governamentais: várias iniciativas do governo português oferecem apoio financeiro para a instalação de sistemas de climatização energeticamente eficientes. Pesquise os subsídios disponíveis para melhorar ainda mais a proposta de valor. Nos últimos anos, na Europa, têm sido criados programas de ajuda (Fundos Next Generation) que visam melhorar a eficiência energética dos sistemas de climatização. Os programas são publicados e geridos em Portugal pelo Fundo Ambiental.

Aéromax VM 130
Aéromax VM 130

Exemplos de soluções

Aquecimento, arrefecimento e água quente

A Áurea+ R290 é a mais recente bomba de calor monobloco ar-água, de alta temperatura, para aquecimento, arrefecimento e AQS (água quente sanitária) da Thermor.

Energeticamente mais eficiente e ecológica, consegue fornecer água até 75°C sem apoio elétrico e com elevada eficiência energética. Trabalha com o refrigerante natural e amigo do ambiente R290, conhecido pelas suas excelentes propriedades termodinâmicas, e está disponível de 6kW a 18kW.

Pelo facto de ser um monobloco puro, não necessita de manuseamento de gases refrigerantes para a sua instalação, podendo ser instalado através de uma simples ligação ao circuito hidráulico da habitação.

Para o utilizador, isto significa que não tem de instalar uma unidade hidráulica no interior da habitação, e que dispõe de um equipamento de utilização mais fácil e intuitiva. Por outro lado, devido ao seu design simples, mas elegante, não penaliza a estética do espaço exterior.

É a solução ideal para substituir uma caldeira tradicional ou para trabalhos de renovação. Graças ao seu regime de funcionamento, a Aurea + R290 permite manter os radiadores existentes sem necessidade de aumentar o seu número ou de os substituir por novos elementos, o que facilita a adaptação da casa à nova realidade energética.

Aquecimento de piscinas

O modelo Aéromax Piscina permite prolongar vários meses a época de banho sem um grande custo energético. Por outras palavras, é uma solução ideal para rentabilizar ao máximo a sua piscina. Como funciona? Utiliza energia renovável do ar (aerotérmica) e não recorre ao uso de gases refrigerantes, apenas a ligações hidráulicas, ajudando ao mesmo tempo a tornar a casa.

Bombas de calor, para casas pequenas

A Aéromax VM 130 é a bomba de calor perfeita para quem pretende desfrutar dos benefícios da energia aerotérmica, numa casa com espaço limitado. Com um design eficiente e elegante, pode ser instalada em locais muito pequenos, inclusive em cima de uma máquina de lavar roupa. É a unidade de AQS de parede mais silenciosa do mercado, e a primeira com capacidade de 130 litros.

Graças a esta função inteligente, a bomba de calor adapta-se ao ritmo de vida da casa e ao número de pessoas, aquecendo a água imediatamente antes de esta ser necessária, evitando assim consumos desnecessários. No final, a Aéromax VM é capaz de poupar até 80% da energia requerida pela instalação, reduzindo consideravelmente o consumo energético.

 

REVISTAS

Profei, S.L.Panasonic PortugalChillventaSiga-nosSolius

Media Partners

NEWSLETTERS

  • Newsletter O Instalador

    17/06/2024

  • Newsletter O Instalador

    10/06/2024

Subscrever gratuitamente a Newsletter semanal - Ver exemplo

Password

Marcar todos

Autorizo o envio de newsletters e informações de interempresas.net

Autorizo o envio de comunicações de terceiros via interempresas.net

Li e aceito as condições do Aviso legal e da Política de Proteção de Dados

Responsable: Interempresas Media, S.L.U. Finalidades: Assinatura da(s) nossa(s) newsletter(s). Gerenciamento de contas de usuários. Envio de e-mails relacionados a ele ou relacionados a interesses semelhantes ou associados.Conservação: durante o relacionamento com você, ou enquanto for necessário para realizar os propósitos especificados. Atribuição: Os dados podem ser transferidos para outras empresas do grupo por motivos de gestão interna. Derechos: Acceso, rectificación, oposición, supresión, portabilidad, limitación del tratatamiento y decisiones automatizadas: entre em contato com nosso DPO. Si considera que el tratamiento no se ajusta a la normativa vigente, puede presentar reclamación ante la AEPD. Mais informação: Política de Proteção de Dados

oinstalador.com

O Instalador - Informação profissional do setor das instalações em Portugal

Estatuto Editorial